Conselheiros Tutelares recebem Capacitação em Alvorada do Sul


Nos dias 18, 19 e 20 de maio de 2018, foi oferecido aos conselheiros tutelares e conselheiros de direitos da criança e do adolescente, um curso de Capacitação Preparatória para Conselheiros Tutelares, que abordou a prática cotidiana do Conselho Tutelar a partir da identificação do Direito Violado, conforme o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), e a metodologia SIPIA, além de esclarecer a interface do Conselho Tutelar com a rede de atendimento, além do Curso de Capacitação SIPIA – Sistema de Proteção à Criança e ao Adolescentes, que tem o objetivo de oferecer suporte aos agentes profissionais para a operacionalização do Sistema enquanto ferramenta de organização do trabalho dos Conselheiros Tutelares, respeitando a qualidade da informação registrada e o tratamento adequado para o ressarcimento do direito de políticas públicas na área da criança e do adolescente.

As capacitações foram presenciais, ministradas pelas Conselheiras tutelares do município de Arapongas/PR, Martha Marchiori, graduada em Serviço Social e Pós-Graduada em Saúde mental e atenção Psicossocial, e, Cristiane Sanches Candreva, Graduada em Matemática com Ênfase a Ciência da computação, através da empresa “Marchiori e Sanches – Cursos”, contratada pela Prefeitura Municipal de Alvorada do Sul.

O evento contou com a participação de Conselheiros tutelares do município de Alvorada do Sul e seus suplentes, Órgão Gestor, Secretaria de Assistência Social, CRAS – Centro de Referência de Assistência Social, e membros do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente.

A participação dos Conselheiros Tutelares, foi de extrema importância nesta capacitação, pois o sistema SIPIA é uma ferramenta de trabalho de fundamental importância no atendimento dos casos de violação de direitos.

Esse sistema, além de ser um instrumento que permite armazenar e organizar o conjunto de denúncias recebidas pelo Conselho Tutelar constitui-se em um banco de dados capaz de fornecer estatísticas e informações sobre as violações dos direitos da criança e do adolescente, permitindo a construção de diagnósticos para subsidiar a elaboração de políticas públicas na área da infância e adolescência.


Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>