Quantidade de cães abandonados em Porecatu aumenta


A Prefeitura de Porecatu está contribuindo para o aumento da população de cães de rua no município. O fato se deve devido a instalação de comedouros e bebedouros com canos de PVC em vários pontos da cidade. Com isso, agradou os defensores dos animais, mas também acabou incentivando os donos de animais que não possuem a devida responsabilidade em soltar os animais, uma vez que agora eles possuem água e comida.

A medida já começa a preocupar alguns moradores que notaram um aumento substancial na quantidade de animais perambulando pela cidade. Os animais defecam nas calçadas e locais públicos, fazem sexo na rua, podem causar mordeduras e acidentes com veículos, principalmente motos e ciclistas.

Ao invés de tomar medidas corretas para o controle da zoonose urbana, a Prefeitura preferiu alimentar os animais, enquanto o mais sensato seria criar um centro de zoonose, com canil onde fosse possível proceder adoção consciente e a castração química ou cirúrgica.
No prédio da rodoviária, usuários tem reclamado do grande número de animais que vivem pelo local. Uma pessoa que não quis se identificar, disse que os animais perambulam pelo prédio, defecam e trazem pulgas e carrapatos no gramado. Nossa reportagem orientou o usuário para que faça um pedido ao departamento de Vigilância Sanitária do município.

Não bastasse, denúncias também dão conta de cavalos circulando pelas ruas e até um bode perambula livremente no centro. O que parece ser simpático, bonitinho e legal, mas pode causar acidentes, trazer doenças e comprometer a qualidade de vida dos cidadãos. O governo municipal é o responsável por tudo que acontecer face a sua falta de medidas à saúde pública e a vida da população. Vamos torcer para que atitudes sejam tomadas antes que o pior aconteça.

Prefeitura de Porecatu dá água e comida aumentando os cães abandonados.

 

 


Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>