Enfeites natalinos em Florestópolis geram polêmicas

Os enfeites de Natal montados na praça ao lado da Prefeitura, em Florestópolis, geraram muitas polêmicas no meio político. Ninguém discute a beleza dos enfeites, mas o seu custo, tem sido a grande questão. Segundo a oposição, a maioria dos enfeites foram locados, ou seja, alugados e serão devolvidos após as festividades. O valor pela locação foi de R$ 75.300,00 e vão custar cerca de R$ 2.500,00 por dia. Os valores podem ser acessados através do diário oficial do município (edição 2039), publicado no dia 26 de novembro. Um anjo com trombetas, custou a bagatela de R$ 9.700,00. O pórtico 2022, vai ser alugado por R$ 8.600,00 em menos de 30 dias. Uma caixa de presentes custará mais de R$ 14 mil.

Haviam enfeites usados no ano passado guardados no almoxarifado, que poderiam ser reaproveitados, bastando para isso, uma ligeira manutenção. O fato do custo ser alto e os enfeites alugados, tem gerado desconfiança entre a oposição. Ao que parece, uma denúncia teria sido feita no Ministério Público para analisar os altos custos. Em cidades da região, enfeites foram comprados e não alugados, por valores que giram em torno de 30 a 50 mil reais. Algumas cidades reaproveitaram os enfeites do ano anterior e somente acrescentaram alguns elementos a mais.

A empresa vencedora da licitação para aluguel dos enfeites é de Maringá.

O aluguel dessa caixa de presentes custou R$ 14 mil. Outros municípios conseguiram por um preço bem mais em conta.
Anjo caro: O aluguel custará R$ 9.700,00 no bolso dos contribuintes.
Já o pórtico 2022, ficará pela bagatela de R$ 8.600,00 pelo aluguel por 30 dias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *