A incrível história do Papai Noel de Alvorada do Sul

            Você sabe quem é Alexandre Trautiveni Chaves? É o Papai Noel de Alvorada do Sul. O Jornal da Cidade recebeu a informação e fomos conferir essa bela história de foco e determinação. Em dezembro de 2010, quando sua filha tinha apenas alguns meses, Alexandre estava na Avenida principal de Alvorada, aguardando a chegada do Papai Noel. Foi quando recebeu a notícia que o Papai Noel não iria se apresentar. Para agradar sua filha e as outras crianças, conseguiu uma roupa e, como tinha muitas crianças na rua, lá foi ele para levar um pouco de alegria aos pequeninos. Tinha um pouco de balas e, mesmo determinado, sua esposa duvidou, dizendo que aquilo não iria dar certo.

            Alexandre se armou de coragem e foi para rua alegrar as crianças. Um sucesso. Daquele dia em diante, Alexandre descobriu sua vocação. Ainda no Natal de 2010, fez campanha pelas redes sociais, pediu doações de balas e pirulitos e conseguiu o material que precisava. Com ajuda dos comerciantes e empresários conseguiu as doações e toda noite saia pela cidade, alegrando crianças e levando o espírito de Natal para toda cidade. Não tinha fins lucrativos. Era apenas uma rotina que ele adorava fazer. Nos anos seguintes, continuou sua saga.

            No quarto ano de insistência, o município começou a enxergar o Papai Noel Alexandre. Foi convidado para ficar na casa do Papai Noel do município e fez a chegada do bom velhinho na cidade. Antes, ele ficava andando a pé pelas ruas centrais e, depois, ganhou um lugar para ficar e tirar fotos com as crianças. Em 2019 aconteceu uma revolução. Alexandre foi convidado para participar do 14º Encontro de Papais “Noeis” em Gramado, no Rio Grande do Sul. Porém, tinha que pagar as passagens e o hotel. Conseguiu as passagens e ficou 3 dias alojado na Aldeia do Papai Noel, em Gramado.

            Tratou de acrescentar mais um personagem no currículo. O escolhido foi o Jason, do Sexta-feira 13. Fez apresentações durante o Halloween e agora praticamente vive dos personagens. “Hoje estou preparado. Procuro fazer o meu melhor, o mais perfeito possível. Já penso, no futuro, colocar o Batman entre os meus personagens. Faço animações em aniversários, eventos. Todos me ajudam. Este ano consegui arrecadar mais de 3 mil ovinhos de chocolate. O Prefeito Pinduca sempre me ajudou. Agradeço muito a ele, pois desde o começo da minha carreira, sempre me apoiou. O pessoal, comércio, empresários de Alvorada também. Essa cidade é muito solidária”, terminou emocionado.

            Lá, conseguiu roupas melhores, barba e bigodes importados. Havia cerca de 40 “Noeis” de todos os lugares do Brasil. Do Papai Noel da Coca Cola, até do Sul e São Paulo. Segundo ele, “no encontro, adquiri mais experiência, como fazer e como não fazer. Foram muito gentis comigo e carinhosos. Tivemos até um curso de libras (língua de sinais). A proprietária da Aldeia do Papai Noel me chamou e disse que eu era o Papai Noel mais novo do encontro. A Band e a Globo da região me entrevistaram e ao Papai Noel mais velho. Consegui levar o destaque de nosso município, pois devia isso ao pessoal que me apoiou aqui”, disse agradecido.

            Ao retornar do encontro de Gramado em 2019, Alexandre resolveu seguir carreira e ganhar uma renda extra. Passou a fazer apresentações em lojas, escolas e até em Londrina. Ficava cerca de meia hora em cada casa ou apresentação. Tratou de arrumar outro personagem para usar em outra época do ano. O personagem escolhido foi o Coelho da Páscoa. Porém, com a pandemia, a estratégia não deu certo. Somente em 2020, após o início da vacinação, o coelhinho deu certo e ele conseguiu fazer alguns eventos.

            Hoje, Alexandre Chaves tem 48 anos, é casado a treze anos com Karine Silveira Lima Chaves e tem uma filha, Nicolli Lima Chaves (11 anos), que foi o verdadeiro motivo de sua carreira. Para alegrar sua filha, Alexandre vestiu o personagem pela primeira vez. Uma prova de amor à sua filha e a todas as crianças. Parabéns ao Papai Noel de Alvorada do Sul.

            Para contatos com os personagens, os interessados podem ligar para (43) 99683-4298.

Alexandre Trautiveni Chaves junto com sua esposa e filha
Alexandre Trautiveni Chaves como Papai Noel

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.