Câmara de Sertanópolis irá construir super prédio

A Câmara Municipal de Sertanópolis está dando andamento ao projeto nababesco de construção de sua nova sede, localizado no Jardim Alto das Palmeiras, próximo ao Recinto de Rodeios da Apae. Não bastasse a distância do centro, o prédio possui ares superdimensionados. Serão nada mais, nada menos que 1.200 m2 de construção, com mais de 10 banheiros, estacionamento para vereadores e funcionários, plenário com capacidade para mais de 230 lugares, inclusive com vagas para cadeirantes e pessoas obesas.

A ideia inicial era construir a nova sede da Câmara no local onde era o antigo Fórum da cidade. O Prefeito Tide trocou com os vereadores um terreno localizado distante, por um terreno localizado no centro. Foram doados seis lotes juntos, entre as ruas Luiz Bersanete e Yolando Camargo.

O projeto de arquitetura foi feito por escritório de Primeiro de Maio e a obra está orçada em mais de 1,7 milhão. O projeto prevê a construção de dezenas de salas, como sala de arquivo (?), do Secretário Geral, sala de reunião, sala da assessoria, contabilidade (nem contador tem), informática (?), sala para protocolo (essa é ótima!), sala da presidência e mais nove salas, uma para cada vereador, que só aparece nas reuniões uma vez por semana, alguns minutos antes do início da sessão.

A construção prevê ainda recepção (vai gerar emprego), museu (?) e biblioteca (?). Os vereadores terão 14 vagas de estacionamento, enquanto o público terá apenas 12 vagas.

A quantidade de banheiros será enorme. Cada vereador poderá escolher o seu banheiro particular. Depois de construído, a Câmara terá que contratar funcionários, comprar móveis (e não poucos), gastar uma nota por mês com segurança, pois a distância irá atrair a cobiça de meliantes que poderão querer levar computadores e coisas de valores que estiver nas dependências. O monitoramento eletrônico não irá resolver. Até a polícia chegar, os bandidos já estarão longe.

Vale lembrar que as reuniões da Câmara são realizadas somente ás segundas. No restante da semana, o prédio ficará ocioso, já que os vereadores não dão expediente. No início de fevereiro foi feita a licitação para a construção do prédio. A empresa vencedora da licitação foi R.B. Marques, de Marialva. Participaram oito empresas e três desistiram. Restaram cinco e nenhuma recorreu. O valor apresentado pela R.B. Marques foi de 1,4 milhão. Estamos entrando com pedido para apresentação de todas as empresas participantes e, se houver qualquer tentativa, por menor que seja, de fraude ou direcionamento à licitação, iremos acionar o Ministério Público. O mega, super, ultra, enorme, gigantesco, faraônico, nababesco, vultuoso, fabuloso, imponente, descomunal, colossal, titânico, monumental prédio da Câmara será construído, gostem ou não gostem. Parabéns aos vereadores Rogerinho, Wagner, Soraya, Glauco, Pastor Antônio, Guilherme Hoffmann, Katuaba, Ana Ruth e Leila Pissinati por terem assinado e concordado por unanimidade com essa obra.

Local onde será construído o novo prédio da nova cãmara de vereadores em Sertanópolis, pela construtora R.B. Marques no valor de 1,4 milhão.
O mega prédio irá custar R$ 1,4 milhão do dinheiro do contribuinte e será construído num local distante. Os vereadores não tiveram a humildade de construir um prédio mais modesto e dentro da realidade. Todos os nove vereadores votaram favoráveis. Ninguém foi contra.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *