Prefeito não cumpre plano de governo

Alguns moradores elogiam o (quase) ex-prefeito Aleocídeo Balzanelo, também conhecido como Tide. Enaltecem, dizendo que teria sido um dos melhores prefeitos que Sertanópolis já teve. Porém, a coisa não é bem assim.

Tide não fez nenhuma obra da fundação ao teto. Somente pinturas, pavers, troca de telhados, manutenção, gambiaras, maquiagem e perfumaria.

Ele pode ser considerado o prefeito mais ardiloso dos últimos tempos. Senão, vejamos:

Ufanado como “prefeito dos asfaltos”, Tide contratou, através do Consórcio Cindepar (que foi alvo de investigações do Gaeco), uma grande quantidade de aplicação de micropavimento. A quantidade contratada por Sertanópolis ficou acima da quantidade contratada por Londrina, proporcionalmente. Algo para se pensar.

O que é micropavimento? Uma emulsão asfáltica, aplicada através de um caminhão usina, com espessura variável entre 0,8 a 1,0 cm, após correção da base, com tapa buracos. A durabilidade dessa intervenção gira em torno de 3 a 5 anos. Ou seja, o tempo de uma gestão. Uma verdadeira ilusão para durar apenas durante o mandato do prefeito.

O verdadeiro recape, em TST (Tratamento Superficial Triplo) ou CBUQ (Concreto Betuminoso Usinado a Quente), tem espessura de 3 a 10 cm, com asfalto quente, usinado. A qualidade é indiscutível. O preço também. Quando algo é barato demais, a qualidade cai. Nesta reportagem você pode ver inúmeras fotos que comprovam a baixa qualidade do micropavimento. Em muitos locais, o material começa a dar sinais de fadiga e, em breve, deve passar por novas intervenções e manutenções.

As UBS – Unidades Básicas de Saúde, estavam todas construídas. O prefeito apenas pintou, comprou alguns poucos móveis e deu uma maquiada com dinheiro da saúde repassado pelo Estado e pelo Governo Federal. No quesito medicamentos, houve usuários que chegaram a reclamar da falta desse ou daquele remédio. A maioria dos medicamentos é custeada pela cesta básica da saúde, paga pelo Governo Estadual. O restante, o complemento, deve ser bancado pelo município.

Na educação, a mesma conversa: Reformas, pinturas e melhorias feitas com recursos do Fundeb – Fundo Nacional para o Desenvolvimento da Educação Básica, onde os maiores investidores são os governos federal e estadual. A menor parte cabe ao município. Os recursos devem ser utilizados para melhoria da educação. A administração é obrigada investir 25% da arrecadação com educação. Caso não faça, o gestor pode sofrer sanções. Em 2017, o prefeito de Sertanópolis teve as contas consideradas irregulares, pois não investiu a quantia determinada. Somente no início de 2018 com algumas pedaladas fiscais, conseguiu regularizar o índice (dados do Tribunal de Contas do Paraná). A educação anda sozinha e tem dinheiro de sobra. Investir em educação nada mais é que obrigação e dever de todos os gestores.

Hospital: Novamente pintura, troca do telhado e uma reforma. A verba? Governo do Estado e Governo Federal. Recursos conseguidos através do eficiente Deputado Estadual Alexandre Curi e os federais Alex e Luisa Canziani. Com relação aos deputados, vale a pena lembrar. Tide tinha como deputado André Vargas, do PT. Ele também foi do PT. Depois que o PT caiu em descrédito, devido a Operação Lava Jato, traiu o partido e pulou fora. Precisava de deputados, pois um município sem deputado não faz nada. Mal e mal paga as contas corriqueiras.

A caixa de água do Setor Leste foi construída depois de um aumento abusivo na conta de água, pressão da população e solicitação do Ministério Público. O que vimos foram somente maquiagem, perfumaria e obras de aparências. Novamente desafiamos: Apresente uma, somente uma obra que tenha sido feita do alicerce ao telhado. Não vale lampadinha no Tabocó ou reformas com dinheiro do Fundeb. Pintura de asfalto também não entra nessa lista.

Vamos relembrar agora o programa de Governo do Sr. Aleocídeo, registrado no Tribunal Eleitoral, na campanha eleitoral de 2016. A maioria dos tópicos não foi cumprida integralmente. Confira:

PLANO DE GOVERNO TIDE 2016

Construir um novo hospital (construção não é reforma)0%
Implantação do CAPS0%
Criação da Clínica da Mulher0%
Plano de Cargos e Salários (já existia desde 2012)0%
Qualificação, capacitação dos funcionários40%
Ampliação da Rede de Esgotos50%
Ampliação do sistema de água*100%
Implantação de Sistema de Esgoto0%
Equipe da Rotam0%
Aumento do efetivo da PM e Civil0%
Criação da Guarda Municipal0%
Frota do Transporte Escolar50%
Qualificação dos professores50%
Uniformes e Material Escolar**100%
Laboratórios de Informática nas escolas30%
Esporte Rua de Recreio nos bairros20%
Academias ao Ar Livre40%
Obras Patrulha Mecanizada80%
Entulhos nas vias públicas***30%
Limpeza de terrenos baldios30%
Reforma da Capela Mortuária100%
Construção de um canil0%
Melhorias no Tabocó80%
Cinturão de fibra ótica0%
Centro de convivência para Terceira Idade0%
Habitação junto a Cohapar0%
Reativação da Guarda Mirim0%
Local para apresentação de teatro0%
Fanfarra Municipal0%

*Foi construído o Sistema de Captação e Tratamento de Água do Setor Leste, depois de milhares de reclamações por falta de água por moradores e nos grupos de redes sociais. Vale lembrar que a água teve um aumento de 60% de uma só vez. Todos os anos está havendo reajuste.
** Os uniformes, material escolar e material didático foram comprados com verba do Fundeb, onde os governos federal e estadual são os principais participantes. Quase todos os municípios da região, com arrecadação bem menor que Sertanópolis fazem o mesmo.
*** Agora existe uma lei que proíbe a colocação de entulhos da construção civil nas ruas e calçadas. As caçambas são alugadas por uma empresa particular. Em Florestópolis, a prefeitura cede as caçambas, sem custos para a população.

Estas propostas estão registradas no Plano de Governo do candidato Aleocídeo Balzanelo, nas eleições de 2016 e estão no site do TSE – Tribunal Superior Eleitoral. A consulta é pública. www.tse.jus.br

Asfaltos estão se tornando ruínas pela cidade, devido ao tipo de recape realizado, com duração média de 3 a 5 anos.
O próximo gestor terá que lutar e desembolsar capital para novos recapes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *