Após mais de um ano, Ponte é recuperada em Sertanópolis

A ponte sobre o Ribeirão do Cerne, em Sertanópolis, na saída secundária para a Rodovia 323 (Primeiro de Maio), teve uma de suas laterais comprometidas em novembro de 2019. A passarela e o guarda-corpo cederam e o local ficou perigoso, tanto para o trânsito de pedestres, quanto para os veículos. Faziam quase dois anos que o local estava abandonado, já que a administração anterior não fez nada para minimizar o problema.

A nova administração municipal, ao assumir, solicitou que o Departamento de Engenharia tomasse providências urgentes sobre o assunto, considerado prioritário. A solução encontrada foi a construção de uma passarela metálica, ao lado da que havia desabado. Segundo as engenheiras da Prefeitura, “a ponte é antiga, com mais de 40 anos de construção. Não conseguimos localizar o projeto estrutural e a solução encontrada foi a utilização de uma estrutura metálica, mais leve, que servirá de passagem para os pedestres, já que a ponte se encontra logo após uma curva e representa perigo para os transeuntes. A nova estrutura irá substituir a antiga, que era feita de concreto e terá ainda um guarda-corpo, também com estrutura metálica”, explicaram.

Atualmente, as obras encontram-se bem adiantadas, restando apenas a finalização da estrutura metálica e, na sequência, os acabamentos necessários.

A Prefeita Ana Ruth lembra que, quando aconteceu o desabamento de parte da ponte, solicitou providências à administração anterior. “Infelizmente nada foi feito e acabou sobrando para nossa administração corrigir esse grave problema, que é essa ponte, praticamente dentro do perímetro urbano, que representava sérios riscos aos pedestres e veículos. Aos poucos vamos colocando a casa em ordem”, completou.

A ponte do Cerne, popularmente conhecida, após anos com medidas paliativas, passou por reforma para maior segurança dos usuários.
Imagens feitas pelo Jornal da Cidade mostram o antes e depois da estrutura metálica de proteção “guarda-corpo” feita pela Prefeitura, com mais segurança aos usuários.
Imagens do local feitas pelo Jorna da Cidade, antes da reforma.
Imagens do local feitas pelo Jorna da Cidade, antes da reforma.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.